Empresas terceirizadas estão na mira de sindicatos por abusos na pandemia

Agência Servidores, Entrevistas

O presidente da CUT-DF, Rodrigo Rodrigues, conversou com a Agência Servidores sobre uma série de denúncias que a Central de Trabalhadores vem fazendo. Uma delas diz respeito às empresas de fornecimento de mão de obra terceirizada. Atrasos de pagamentos, demissões imotivadas e o não-cumprimento de direitos básicos como fornecimento de vales transporte e alimentação são comuns, segundo o dirigente.

Ele também fala a respeito das dificuldades enfrentadas pelos sindicalistas neste período, e garante que as exigências dobraram. O volume de problemas é grande, e isso vem exigindo reuniões virtuais e muito uso do telefone, durante a crise. Rodrigo Rodrigues acredita que o isolamento obrigou muita gente a utilizar a tecnologia, e que esse novo hábito deve permanecer após a pandemia.

Acompanhe a entrevista completa logo abaixo:

 

Leia também!

I Encontro de Lideranças de Carreiras Públicas do SUS foi realizado

No dia 24 de maio de 2022 ocorreu o evento live "I Encontro de Lideranças de Carreiras Públicas do

Read More...

Transição Energética foi tema de evento realizado pela Agência Servidores

Mas afinal, o que falta para o Brasil estar acelerado de fato na transição energética ?  Esse foi o

Read More...

Reforma tributária: Sindireceita acompanha leitura de novo relatório da PEC 110 no Senado

O diretor de Assuntos Parlamentares do Sindireceita, Sergio Castro acompanhou, na manhã desta quarta-feira, dia 23, na Comissão de

Read More...

Mobile Sliding Menu