Na Paraíba: MP recomenda que prefeito anule “corte salarial” de servidores em período eleitoral

Entidades em Ação, Judiciário, Pelo País

O prefeito da cidade de Ingá-PB, Robério Lopes Burity (PDT), deve anular os atos administrativos que provocaram “corte salarial” de pelo menos quatro servidores do município, às vésperas das eleições municipais deste ano. A recomendação é da promotora eleitoral do município, Cláudia Cabral Cavalcante, após uma denúncia feita pelo sindicato dos servidores da cidade de que funcionários estariam sendo perseguidos pela gestão municipal.

A recomendação foi publicada no último dia 22. De acordo com o documento, um motorista efetivo do município teria tido gratificações cortadas pela gestão municipal e ao procurar a prefeitura teria sido “constrangido a revelar seu voto para prefeito e vereador nas eleições vindouras”.

Ainda conforme o relato, ele “foi comunicado que deveria procurar seu candidato a vereador para que o mesmo pudesse “negociar” o retorno de suas gratificações”.

Confira na íntegra a recomendação do Ministério Público

“O sindicato dos trabalhadores de Ingá recebeu outras denúncias de transferências de local de trabalho, assim como da perda salarial de outros servidores efetivos”, assinala a promotora.

Robério Burity é candidato a prefeito da cidade e assumiu a prefeitura de Ingá em julho deste ano, após a morte do prefeito Manoel Batista Chaves Filho, conhecido como Manoel da Lenha (PSD) – vítima da Covid-19. O blog não conseguiu ainda contato com a gestão municipal para falar sobre o assunto.

 

FONTE ORIGINAL DA MATÉRIA: Jornal da Paraíba

 

Leia também!

Políticas públicas brasileiras que são referência mundial serão o tema do sexto episódio da minissérie Nosso Estado

A série Nosso Estado, composta por 8 episódios, terá seu sexto episódio transmitido no próximo dia 5 de novembro.

Read More...

Governantes insistem em privatizações e reduções de estatais quando país precisa de Estado forte, alerta Fenae

O Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF) deu sinal verde para a venda da Companhia Energética de Brasília

Read More...

“Privatização do SUS” gera tensão entre ministérios da Saúde e da Economia

A vigência do decreto que previa a inclusão de unidades de atenção primária do Sistema Único de Saúde (SUS)

Read More...

Mobile Sliding Menu