População pode propor melhorias no tratamento da Síndrome de Guillain-Barré pelo SUS

Ações, Pelo País

O Ministério da Saúde recebe até o dia 10 de agosto propostas para atualizar o protocolo de critérios para diagnóstico, tratamento e acompanhamento de pacientes com a Síndrome de Guillain-Barré (SGB). As contribuições podem ser relatos de experiências ou mesmo conteúdos científicos para atualizar o protocolo que teve sua última versão publicada em 2015. Todas as sugestões são analisadas pela Conitec (Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS). Para participar e enviar contribuições, clique aqui.

O Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas tem como objetivo garantir o melhor cuidado em saúde com os recursos disponíveis no SUS (Sistema Único de Saúde), além de orientar profissionais de saúde, gestores e pacientes sobre o diagnóstico e tratamento. Sua revisão periódica é importante para atualizar o documento com as evidências científicas mais modernas.

A Guillain-Barré é uma doença rara em que os pacientes apresentam um distúrbio autoimune com impactos no sistema nervoso, sendo a maior causa de paralisia flácida generalizada. Geralmente provocada por um processo infeccioso anterior, a doença manifesta fraqueza muscular, com redução ou ausência de reflexos.

 

FONTE ORIGINAL DA MATÉRIA: Amazonas Atual

Leia também!

“Costumamos reclamar do SUS. Mas é bom saber como era antes. A esmagadora maioria de brasileiros não tinha nenhuma cobertura de saúde”

"Costumamos reclamar do SUS. Mas é bom saber como era antes. A esmagadora maioria de brasileiros não tinha nenhuma

Read More...

Servidores reagem ao teletrabalho: “Querem produtividade sem dar condições”

Minutos após o anúncio do Ministério da Economia de que vai expandir o teletrabalho de servidores públicos federais, mesmo

Read More...

A importância do SUS

Já havia razões de sobra para que todos os brasileiros pudessem se orgulhar do Sistema Único de Saúde (SUS),

Read More...

Mobile Sliding Menu