“Ser servidor público é assumir um compromisso com a sociedade”, conta José Ulisses Vasconcelos

#servicopublicofazadiferenca, Campanhas, Serviço Público

Compromisso e missão. É assim que José Ulisses Vasconcelos define o que é ser servidor público. Nascido em Teresina, Piauí, no ano de 1961, ele começou a se interessar por concursos públicos na década de 80. Em 1994, tomou posse no Tribunal de Contas da União (TCU). A história de José na área de controle externo é exemplar. O servidor esteve à frente da implementação do e-TCE, sistema informatizado para autuação e processamento de Tomada de Contas Especial, cujo objetivo é tornar mais eficaz o ressarcimento de danos ao erário. Por causa da sua dedicação e do sucesso desse sistema, José foi escolhido para ser um dos homenageados do “Gente que Inspira” 2020.

“Quando eu entrei no serviço público, eu abracei a causa. Ser servidor é assumir um compromisso com a sociedade e com cada cidadão, vai além da dimensão pessoal. Você pode gerar uma transformação na sociedade a partir daquele serviço que você faz”, conta.

A partir da implementação do e-TCE, a instauração da tomada de contas passou a ser realizada diretamente no sistema, independentemente dos envolvidos – unidades instauradoras, autoridade ministerial supervisora, controle interno e controle externo. Todos que atuam em alguma fase da TCE utilizam a mesma plataforma, tornando o trâmite do processo mais célere e objetivo. Com esse sistema, houve um aumento extraordinário em termos de produtividade da equipe e liberação de servidores para outras áreas.

José recebeu a notícia de que seria um dos premiados do “Gente que Inspira” com muita alegria. “Eu fui à festa ano passado e fico feliz com esse reconhecimento. Estou muito alegre e satisfeito”, resumiu.

A proatividade, a capacidade gerencial, o talento para motivar equipes e o foco por resultados são algumas das características mais marcantes de José Ulisses, segundo os colegas do TCU. O servidor também é elogiado por ser um grande amigo, se preocupar com o próximo, se colocar no lugar do outro, ter o dom de aproximar as pessoas e promover harmonia.

Casado há mais de 20 anos com Elisabete, com quem tem dois filhos, o servidor aprecia os momentos em família. Para ele, celebrar a vida ao lado dos familiares é essencial. “Eu sou muito apegado a minha família. Nós somos muito próximos. Nos reunimos para celebrações, churrascos, vamos a restaurantes, visitamos uns aos outros, viajamos”, enumera.

E os planos para o futuro? José Ulisses disse que curtir a aposentadoria é um deles. “Eu estou próximo de me aposentar. Pretendo continuar viajando com minha esposa e celebrando a vida com a minha família”, afirmou.

 

FONTE ORIGINAL DA MATÉRIA: Sindilegis

Leia também!

Servidores do Ministério da Saúde vacinam garimpeiros contra Covid em troca de ouro, afirma líder Yanomami

A Hutukura Associação Yanomami afirma que há suspeita de que servidores da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), órgão

Read More...

Câmara do Rio de Janeiro aprova aumento da alíquota de 11% para 14% para servidores municipais

Por 23 votos a 22, a Câmara dos Vereadores do Rio aprovou na noite de ontem, em discussão final,

Read More...

Servidores precisam atualizar dados bancários no Sigepe para receber salário

Entre novembro de 2019 e de 2020, os bancos fecharam 1.444 agências no Brasil, volume 78% maior que nos

Read More...

Mobile Sliding Menu