Servidores se surpreendem com demissão do presidente do Inep e apontam para ‘graves riscos’ ao órgão que administra o Enem

Entidades em Ação, Pelo País, Serviço Público

Servidores do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) afirmam que ficaram surpresos com a exoneração do presidente do órgão, Alexandre Ribeiro Pereira Lopes, nesta sexta-feira (26). Segundo eles, há “graves riscos” para a autarquia que administra o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

“A descontinuidade de gestão, com sucessivos períodos de instabilidade, tem contribuído fortemente para comprometer a execução do importante trabalho da autarquia na Educação”, afirma a Associação dos Servidores do Inep (Assinep), em nota pública obtida com exclusividade pelo G1.

Lopes é o quarto nome a ocupar a presidência do Inep no governo Bolsonaro. Ele assumiu a função em 17 de maio de 2019.

No documento da associação, servidores “clamam pela necessidade de gestores com reconhecida capacidade técnica e familiaridade com a temática da Educação, à altura dos 84 anos do Instituto”.

Seu substituto é o economista Danilo Dupas Ribeiro, ex-secretário de Regulação e Supervisão do Ensino Superior do Ministério da Educação (MEC).

O Inep é vinculado ao Ministério da Educação (MEC). O órgão é responsável por estatísticas, avaliações e provas, como o Enem, o Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade), o Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) e o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes).

Em nota, o Ministério da Educação afirma que a exoneração de Lopes é uma “decisão administrativa, sendo o cargo de livre nomeação e exoneração da Administração Pública”. Também cita que “o ministro Milton Ribeiro, em nome do MEC, agradece o trabalho realizado pelo Alexandre Lopes durante o período em que esteve à frente do Inep”.

Evento cancelado

Na manhã desta sexta, Alexandre Lopes era esperado em um evento da Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (Abmes). Ele discutiria a reformulação do Sinaes.

O cancelamento do debate foi anunciado nas redes sociais:

 

Lista de presidentes do Inep

Veja a lista de presidentes do Inep na gestão Bolsonaro:

  • Maria Inês Fini desempenhava a função no governo Temer e foi exonerada em 14 de janeiro.
  • Marcus Vinicius Rodrigues foi anunciado no dia 22 de janeiro e exonerado no dia 26 de março.
  • Elmer Vicenzi foi nomeado em 15 de abril e pediu demissão após 24 dias no cargo.
  • Alexandre Ribeiro Pereira Lopes foi anunciado como novo ocupante do cargo no dia 17 de maio.

Formação e trajetória de Alexandre Lopes

Lopes é bacharel em direito pela Universidade de Brasília (UnB – 2004) e engenheiro químico pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ – 1996). Desde 2006, ocupa cargos públicos.

Em janeiro de 2019, passou a desempenhar a função de diretor legislativo da Casa Civil da Presidência da República. Entre suas atribuições, acompanhava e coordenava o processo de sanção e veto dos projetos de lei enviados pelo Congresso Nacional.

Antes disso, de maio de 2016 a dezembro de 2018, trabalhou no governo do Distrito Federal como subsecretário de Políticas Públicas na Secretaria de Estado da Casa Civil e Relações Institucionais.

 

FONTE ORIGINAL DA MATÉRIA: G1

 

Leia também!

Servidores do Ministério da Saúde vacinam garimpeiros contra Covid em troca de ouro, afirma líder Yanomami

A Hutukura Associação Yanomami afirma que há suspeita de que servidores da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), órgão

Read More...

Câmara do Rio de Janeiro aprova aumento da alíquota de 11% para 14% para servidores municipais

Por 23 votos a 22, a Câmara dos Vereadores do Rio aprovou na noite de ontem, em discussão final,

Read More...

Servidores precisam atualizar dados bancários no Sigepe para receber salário

Entre novembro de 2019 e de 2020, os bancos fecharam 1.444 agências no Brasil, volume 78% maior que nos

Read More...

Mobile Sliding Menu