Sindicato de servidores do Judiciário federal defende manutenção do trabalho remoto no RJ

Entidades em Ação, Judiciário

A direção do Sindicato dos Servidores das Justiças Federais no Rio de Janeiro (Sisejufe) chama atenção para o recrudescimento da pandemia da covid-19 e alerta que está “preocupada com o aumento dos casos no estado”. A entidade defende que seja mantido o trabalho remoto, e o presencial somente para cumprimento de urgências e casos de perecimento de direito.

No Tribunal Regional do Trabalho no Rio (TRT-RJ), foi autorizado o retorno de até 30% em todos os setores, sem atendimento ao público externo. Diante dos novos casos da doença,  os servidores esperam que “a Administração observe o protocolo de retorno que foi elaborado e as regras sanitárias e de proteção à saúde para preservar funcionários, jurisdicionados, advogados e terceirizados”.

O Sisejufe declarou ainda que, no caso dos oficiais de justiça, há particularidades a serem observadas “por se tratar de um segmento exposto ao contato com público”. Pelo que tem sido sinalizado pela Administração, tudo isso será observado, minimizando as possibilidades de contágio.

No TRE-RJ, o trabalho presencial voltou em setembro, com no mínimo um servidor por setor, podendo aumentar o número de funcionários, ficando a critério da chefia imediata. Depois das eleições municipais, o Sisejufe entrou com requerimento, junto ao TRE, para que o trabalho presencial fosse suspenso, mas o pedido foi negado pela Administração.

Em nota, a direção do sindicato afirma que “não há hoje necessidade de trabalho presencial na Justiça Eleitoral, uma vez que o atendimento ao eleitor está sendo feito majoritariamente de maneira virtual, com exceção das urgências”.

Para os diretores do Sisejufe que trabalham no TRE-RJ, “a Administração está colocando desnecessariamente a saúde dos servidores em risco”.

Já na Justiça Federal, que inclui o TRF2 e a SJRJ, ainda não há confirmação sobre a data de retorno ao trabalho presencial. A diretoria do Sisejufe destaca que “houve aumento significativo na produtividade na Justiça Federal”.

“Os números mostram que o trabalho remoto não gerou prejuízo às atividades desenvolvidas, inclusive no que diz respeito ao atendimento ao público em geral”, declara a entidade.

 

FONTE ORIGINAL DA MATÉRIA: O Dia

Leia também!

Evento Live das Carreiras Públicas do SUS – Nesta terça, 8h30

No próximo dia 24 de maio ocorrerá de forma live o evento "Encontro de Lideranças das Carreiras Públicas do

Read More...

Transição Energética foi tema de evento realizado pela Agência Servidores

Mas afinal, o que falta para o Brasil estar acelerado de fato na transição energética ?  Esse foi o

Read More...

Reforma tributária: Sindireceita acompanha leitura de novo relatório da PEC 110 no Senado

O diretor de Assuntos Parlamentares do Sindireceita, Sergio Castro acompanhou, na manhã desta quarta-feira, dia 23, na Comissão de

Read More...

Mobile Sliding Menu